terça-feira, 10 de novembro de 2009

Dicas para ser um bom escalador na bike

A tão sonhada camisa branca com bolinhas vermelhas ou simplesmente ser chamado de “O Rei da Montanha” após conquistar pontos durante as escaladas de uma prova pode significar anos de trabalho de uma equipe e de um ciclista para conquistar tal mérito.


Não menos importante que uma camisa amarela (líder geral) ele também recebe muito reconhecimento da mídia com patrocínios e uma bela premiação do evento. As subidas mais conhecidas são da região dos Alpes e Pirineus e a classificação de sua dificuldade vem de acordo com a posição da subida na etapa, a inclinação e a distância. Sendo que a mais temida recebe o nome de “Hors Categorie” como o Tourmalet, Alpe d`Huez e Mont Ventoux.

Nem toda subida tem como vencedor um ciclista de menor estatura e super magro. Para uma grande subida, é preciso que se treine a parte física e psicológica. Para uma boa escalada, ou seja, chegar bem e sentir-se com as pernas fortes é preciso claro de muito treino e não existe outra opção, uma grande aliada é a musculação.

Ciclistas como o famoso Lance Armstrong, que foge do perfil do escalador baixinho e magrinho (como o Marco Pantani) treinam horas e mais horas, dia após dia, sob sol, chuva e até neve. Não tem escapatória, uma boa escalada vem de um treinamento rico na sua fase de base, com bastante ritmo e treino de força.

Dicas de Treino para subir bem:

- Sempre tenha na sua agenda algumas subidas, desde as longas e menos íngremes as curtas e bem acentuadas.

- Relaxe os membros superiores (não faça força no guidão)

- Fortaleça bem seu abdome e lombar

- Comece leve e aumente o número de subidas gradativamente, assim como sua velocidade e repetições.

- Boa hidratação.

- Mantenha um RPM maior que 70 e não mais do que 90.

- Tente subir sentado assim gastará menos energia.

Dicas de bike:

- Pneus bem calibrados

- Roupas de boa qualidade, permitindo boa respiração

- Sapatilhas bem ajustadas (sem folga e com taquinhos novos)

- Hoje temos opções dos volantes reduzido por exemplo: Coroa 50 x 34 dentes ! Ou também usar um cassete com mais dentes atrás como 26,27,28 dentes.

Curiosidade: O ciclista Michael Rasmussen usou em 2007 durante as subidas do Tour de France uma bike da marca Colnago, feita para subidas, sem nem ter suporte para caramanhola.

Um pouco de psicologia:

Muitas vezes o que nos faz desistir de fazer força ou até mesmo de continuar, é achar que não vai conseguir simplesmente pelo medo de fracassar, pois então comece a treinar agora, é no treino que aceitamos errar. Como diria Lance Armstrong “ O sofrimento é passageiro, desistir é para sempre”. Encare aquela subida como um desafio, queira subir e ganhar dela, afinal, quanto antes você subir, antes acabará sua dor.

Matéria por Igor Laguens

1 comentários:

Lu 3 de dezembro de 2009 17:12  

Só agora eu li o texto porque estou há pouco seguindo o blog. Adorei as dicas, principalmente a parte da "psicologia". Vou guardar como uma boa dica não só pra subidas mas pr aminha prova!

Abraços molecada!!

© Todos os Direitos Reservados por WooM 2009

Voltar para TOPO